Inocentado, médico não tem reparação na imprensa

Depois de 15 anos, o TJDF deu ganho de causa ao pediatra e homeopata Iran Cardoso, ex-presidente do CRM.

Dr. Iran foi alvo de processo por suposto erro médico em um caso ocorrido em 2003. Passando pelo CRM, pelo Ministério Público e pelo Tribunal de Justiça do Distrito Federal, o caso deve desfecho recente e ele foi inocentado pelo Tribunal de Justiça do Distrito Federal. 

A defesa dele foi feita pela advogada especializada em Direito Médico, Patrícia Sá, da Advocacia Riedel, que presta assessoria jurídica para o Sindicato dos Médicos do Distrito Federal e seus associados.

O caso foi muito noticiado na imprensa, mas não a sentença favorável ao médico. Dr. Iran e Dra. Patrícia são os convidados da TV SindMédico para comentar o assunto.

 

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS