SindMédico-DF lamenta morte de Jofran Frejat

Jofran Frejat morre: SindMédico-DF lamenta

Um médico a serviço da Medicina, da coletividade e da saúde pública. Assim era Jofran Frejat, o ex-secretário de Saúde do Distrito Federal que faleceu, nesta segunda-feira (23), vítima de um câncer de pulmão.

Amigo do presidente do Sindicato dos Médicos do Distrito Federal (SindMédico-DF), Gutemberg Fialho, e do vice, Carlos Fernando, Jofran Frejat deixa um legado que prova à população: é possível fazer uma política pública de Saúde voltada a todos.

“Frejat levada a saúde a sério. Ele tinha a saúde pública, a saúde de todos, como um compromisso. É uma daquelas pessoas que fará falta não apenas para os familiares e amigos, mas, também, para a população. É, com certeza, um exemplo de ser humano a ser seguido”, disse Gutemberg Fialho, ao lembrar do amigo cirurgião.

Jofran Frejat foi um dos responsáveis por reformular o sistema público de Saúde do Distrito Federal – em especial a Atenção Primária – e, também, pela criação da Escola Superior de Ciências da Saúde do DF (ESCS).

O médico foi também diretor do Instituto Médico Legal (IML) e secretário-geral do Ministério da Previdência.

Jofran Frejat nasceu em Floriano, no Piauí, no dia 19 de maio de 1937. Ele chegou ao Distrito Federal em 1963, após se formar em Medicina no Rio de Janeiro. Ele deixa quatro filhas e a esposa, Denise Frejat.

“Eu perdi um amigo e a população do DF perde um dos seus maiores gestores e defensores do Sistema Público de Saúde”, lamenta o vice-presidente do SindMédico-DF, Carlos Fernando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

nota-de-pesar-sindmdico-df-lamenta-morte-de-jofran-frejat