Polêmica na reformulação da Atenção Primária

Parlamentares da CLDF e representantes da área de saúde debatem mudanças impostas pelo GDF

O presidente do Sindicato dos Médicos do Distrito Federal (SindMédico-DF), Gutemberg Fialho, participou de conversa, nesta terça-feira (21), com os deputados distritais Celina Leão e Raimundo Ribeiro, na Câmara Legislativa, para tratar da questão da reformulação da Atenção Primária, anunciada pela Secretaria de Saúde (SES-DF) na semana passada.

“O projeto precisa ser discutido. E, no entanto, foi colocado de forma imposta, precipitada e sem levar em consideração as necessidades e peculiaridades da Atenção Primária”, afirmou o presidente do SindMédico-DF, Gutemberg Fialho.

Também nesta terça-feira, os deputados Celina Leão, Raimundo Ribeiro e Wellington Luiz apresentaram ao Plenário, a Proposta de Decreto Legislativo (PDL) nº 246, que invalida as portarias da Secretaria de Saúde 231, de 07/10/2016, que realoca carga horária de servidores da Atenção Primária para os serviços de emergência; 77 e 78, de 14 e 15/02, que insituem a reformulação da Atenção Primária no DF. Por isso, convidaram representantes da área para tratar do tema e das mudanças propostas pela SES. A presidente do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde (SindSaúde-DF), Marli Rodrigues, também participou do debate.

O texto apresentado pelos parlamentares salienta que as mudanças propostas pelo governo na Atenção Primária estão na contramão do que se pretende em termos de saúde pública: disponibilizar mão de obra e locais de atendimentos suficientes à população.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

polmica-na-reformulao-da-ateno-primria-sindmdico-sindicato-dos-mdicos-do-distrito-federal