Síndrome inflamatória multissistêmica pediátrica: como proteger as crianças?

Você sabe o que é a síndrome inflamatória multissistêmica em crianças relacionada à Covid-19? Até meados de setembro, a SES-DF já havia notificado 26 casos. E a incidência dos casos Brasil afora só aumenta. De acordo com o Ministério da Saúde, até o fim de agosto, pelo menos 197 crianças e adolescentes em todo o País apresentaram sintomas da doença. Além disso, a síndrome pode ter causado a morte de pelo menos 14 pacientes com idades entre 0 e 19 anos no período de maio a agosto.

Mas, por que a síndrome inflamatória multissistêmica pode estar relacionada à Covid-19? Mesmo assintomáticas, crianças pode ter sequelas graves, como é o caso dessa doença? Pais  e mães devem ficar atentos? Quais são, de fato, os sintomas? Para responder às perguntas, Gutemberg Fialho entrevista, na próxima TV SindMédico, terça-feira (20), às 19h45, a pediatra Camila Solé.

Graduada em Medicina na Universidade Federal do Triângulo Mineiro, Camila Solé é pediatra pela Sociedade Brasileira de Pediatria e, também, pediatra intensivista pela Associação de Medicina Intensiva Brasileira (AMIB). Hoje, ela atua como pediatra intensivista no Hospital Materno Infantil de Brasília (HMIB) e nos Hospitais da Rede Ímpar e no Hospital Anchieta.

Não perca a próxima TV SindMédico. Participe, envie perguntas e sugestões.

Quando? Terça-feira (20)

Horário? 19h45

Ao vivo pelo Facebook e YouTube do SindMédico-DF. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

sndrome-inflamatria-multissistmica-tv-sindmdico-debate-tema